O que separa um empreendedor de um empresário?

0
276
A diferença de um empreendedor e um empresário é mais clara do que você possa imaginar
Conheça melhor em quais das duas atividades o seu perfil de negócios mais se encaixa

O que separa um empreendedor de um empresário são características próprias maiores do que possa imaginar à primeira vista. Basta um olhar mais rigoroso entre as duas atividades: empreendedora e empresarial, para que as diferenças fiquem mais claras.

E conversa com o MundoEmpresa, a empresária e cofundadora da AGE GROUP, Georgina Roncon conta um pouco sobre o que separa e o que une um empreendedor e um empresário!

Empreendedor x Empresário

Primeiramente, muitos acreditam que empreendedor e empresário são sinônimos, mas a verdade é que nem todo empreendedor é empresário e nem todo empresário é empreendedor. Portanto, a falta de conhecimento dessa diferença na vida real pode colocar em risco o seu negócio.

As características de cada um

Em segundo, o empreendedor é aquela pessoa capaz de identificar as oportunidades quando elas ainda não parecem claras aos outros. Esse ‘faro’ faz com que ele seja capaz de enxergar as oportunidades em situações adversas.

Por sua vez, o empresário possui um conceito diferente do empreendedor. Menos sonhador com os dois ‘pés no chão’, o indivíduo possui o conhecimento e as habilidades correspondentes para fazer um negócio crescer e se manter.

A emoção contra a razão

Algumas pessoas são grandes empreendedoras, mas permanecem empresários sem muita aptidão, enquanto outros fazem exatamente o contrário. No entanto, não é comum possuir aptidão natural aos dois papéis simultaneamente, pois eles exigem competências antagônicas.

.

Por exemplo, ao passo que o empreendedor é um apaixonado por sua visão de futuro e demonstra um nível de ousadia acima da média se comparado aos outros, um empresário geralmente usa seu poder de persuasão tendo como base argumentos concretos e somente toma decisões em conformidade com aquilo que analisou previamente.

Diferenças que se completam

Existem muitos sócios em empreendimentos que se complementam. Quem possui um perfil empreendedor, por exemplo, toca a área comercial ou de desenvolvimento de produtos, enquanto que o empresário fica com a responsabilidade de gerenciar o setor administrativo e financeiro.

Portando, a grande questão é que uma empresa geralmente não chega muito longe se ela não contar com essas duas figuras: Empreendedor x Empresário.

Em outras palavras, ter alguém que provoca todo mundo, pensa fora da caixa e desperta o olhar para novas possibilidades e, ao mesmo tempo, gente mais centrada e analítica que não costuma se empolgar com qualquer coisa.

Assim é possível ser empreendedor e empresário ao mesmo tempo, porém dificilmente alguém consegue cumprir ambos os papéis com eficácia.