Evite gafes: Guia prático de etiqueta para festas de fim de ano da empresa

O MundoEmpresa reuniu dicas para orientar sobre o que não falar ou fazer nas confraternizações empresariais de final de ano.

1
359
Festas de fim de ano podem ser palco de gafes. Evite passar vergonha
Série The Office tratava de gafes cometidas no ambiente de trabalho. Evite cometer erros nas festas de fim de ano da empresa

As festas de fim de ano das empresas estão chegando. É tempo de confraternização, de dar adeus às planilhas e documentos para comemorar o esforço que todos fizeram para atingir as metas. Um clima amistoso de descontração contagia todos os colaboradores da empresa.

No entanto, além dos comes e bebes ‘la volonté’, esse momento também pode ser lembrado por situações embaraçosas que colocam os envolvidos em saias justas difíceis de reverter.

Na ‘melhor da pior’ das hipóteses uma ressaca moral e a vergonha de ter sua dignidade jogada no lixo, na ‘pior da pior’ das hipóteses, uma demissão.

O MundoEmpresa traz um guia para auxiliar nossos leitores a não falar ou fazer o que não deviam.

Bom senso e moderação na festa

A maioria das empresas tem o costume de permitir o consumo de bebidas alcoólicas e, ainda mais por ser uma época em que se celebram os resultados e as conquistas do ano.

“Esse é o momento de as pessoas serem de fato quem elas são e mostrar isso. Embora muitos líderes fiquem receosos com isso, é importante lembrar que essa é uma oportunidade de conhecer melhor a equipe”, conta, Alexandre Slivnik, especialista em gestão de pessoas e diretor da Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD).

O colaborador pode sim se soltar, mas apenas até o momento em que ele acredita que pode se controlar.

“Embora seja um ambiente profissional, os trabalhadores devem se permitir e agir como são normalmente, se divertir, brincar, mas sem perder o senso comum”, aponta Slivnik.

Fique atento na hora de se vestir na confraternização

O motivo campeão dos comentários maldosos nas empresas é o vestuário. A saia estava curta demais, a camisa muito estampada ou o salto alto demais.

De acordo com Dalton Morishita, administrador de empresas com especialização em Business pela Australian Professional Skills Institute, e headhunter na Trend Recruitment, as empresas não esperam que todos apareçam com os mesmos tons ou de uniforme, principalmente porque hoje uma das qualidades mais valorizadas em uma equipe é a diversidade.

reprodução BBC THE OFFICE — “Threat Level Midnight” Episode 716 — Pictured: (l-r) Ed Helms as Andy Bernard, Rashida Jones as Karen Filippelli, Steve Carell as Michael Scott, Phyllis Smith as Phyllis Lapin, Angela Kinsey as Angela Martin — Photo by: Chris Haston/NBC

A cultura das empresas passou a disseminar o respeito às diferenças e às liberdades individuais, mas o bom senso é primordial. Fique atento a proposta do evento, se será um jantar, uma balada, uma chácara e, caso não esteja no convite, não custa nada perguntar qual o traje esperado para a ocasião, não é mesmo?

Certifique-se que pode levar um acompanhante

Geralmente os convites costumam indicar se pode ou não levar acompanhantes, mas caso não esteja, certifique-se de que poderá levar alguém.

Imagina que situação desagradável levar alguém, que é importante para você, para uma festa em que só terão funcionários da empresa ou pior, ter a entrada da pessoa barrada?

Não seja invasivo ao conversar com chefes e colegas de trabalho

Apesar de ser um momento de diversão, nas festas de fim de ano algumas regras do dia a dia na empresa também valem para as confraternizações, ou seja, uma coisa é puxar conversa, outra é insistir em agir como se houvesse intimidade, fazendo perguntas pessoais e comentários inadequados que você não faria se estivesse trabalhando.

reprodução Fox

Além disso, com os superiores, há uma linha tênue entre simpatia e bajulação. Não exagere em elogios que não caibam nas suas conversas e o mesmo vale para quem tentar acessar o alto escalão pensando em se auto promover, isso só fechará portas para você.

Lembre-se das políticas de relacionamentos amorosos na empresa

Aliás, se a sua empresa tem uma dessas políticas, não se esqueça dela neste momento. Sobretudo, mesmo que não existam regras para isso, lembre-se que você ainda terá contato com essas pessoas após as festas de fim de ano, por isso, tome cuidado com sua abordagem e conduta para que não se sinta envergonhado por determinados comportamentos que adotou nesta ocasião.

Evite falar só de trabalho nessa época

Imagine só que enquanto você está comendo, alguém aparece para resolver pendências ou discutir uma entrega em atraso. Desagradável, não?

reprodução BBC

Portanto, se a festa ocorrer durante o horário de trabalho, pega mal discutir burocracias em um ambiente que deveria ser de descompressão e não se esqueça que este é um momento de diversão.

Fuja de grupinhos nas confraternizações

Essa é, sem dúvida, é uma das melhores oportunidades para você conhecer novas pessoas que trabalham em sua empresa. Certamente que gostamos de estar perto de quem gostamos e de quem já conhecemos, mas não se esqueça que festas de fim de ano são uma ótima oportunidade de ampliar sua rede de contatos e que isso, sem dúvida, pode te ajudar a se relacionar melhor com outras áreas e abrir portas em novos projetos, por exemplo.