Empresários estão renovados para o ano de 2021

0
74
O e-commerce cresceu cerca de 127.77%, com isso muitos donos de empresas sem experiência nessa modalidade, saíram prejudicados por má gestão
O e-commerce cresceu cerca de 127.77%, com isso muitos donos de empresas sem experiência nessa modalidade, saíram prejudicados por má gestão

Brasil, dezembro de 2020:  Após período crítico para manter os negócios em funcionamento, as micro e pequenas empresas brasileiras apresentaram sinais de pequena reação diante dos impactos da pandemia. O levantamento do Sebrae aponta que desde o início da pandemia, 800 mil empresas conseguiram estancar a queda no faturamento. Além disso, 12% das micro e pequenas empresas aumentaram o quadro de funcionários, e não registraram demissões nos últimos 90 dias.

O faturamento está em alta, um aumento real, já descontada a inflação, de 11,8% na comparação com o índice do mês anterior e a receita total das MPEs somou R$ 61,5 bilhões, o que representa R$ 6,5 bilhões a mais do que no mês anterior.

PME’s na ‘alavancagem’

Para orientar o pequeno e médio empreendedor nessa nova fase de empreendedorismo, o autor do best-seller mais lido na área do marketing e alavancagem de empresas, Conrado Adolpho, realiza lives diárias para ensinar tudo o que os pequenos e médios empresários precisam saber para planejar uma estratégia de divulgação e valorização de seu produto, além de deixar a empresa relevante na internet.” Afinal, 2020 serviu para mostrar que o e-commerce, não é uma opção, é necessário”. Comenta o especialista.

De acordo com os dados desse ano, 2021 será um ano de progresso, e o especialista diz que, “Para 2021, o empresário deve concentrar-se nas vendas online e inovar sempre”. Conrado e seu programa de imersão dos 8Ps, juntos, são responsáveis por ensinar donos de pequenos negócios a alavancarem a receita e a lucratividade das suas empresas, através de um Sistema de Vendas testado e comprovado por mais de 15.900 negócios só nos últimos 3 anos.