Conta digital vai permitir uso de criptomoedas com cartão Visa

Uma das vantagens é a possibilidade de efetuar qualquer outra compra, inclusive internacionais, na função crédito, como saques de valores em espécie nas redes do Banco 24horas, SaquePague e Correios.

0
45

De olho em oportunidades, a fintech Alterbank anunciou a criação da primeira conta digital Visa no Brasil que conecta o sistema financeiro tradicional com a nova criptoeconomia. A iniciativa – que vai possibilitar o uso de criptomoedas – ainda se encontra em fase beta, com propósito de plena expansão em um futuro próximo.

Usuários brasileiros terão na mesma carteira sua conta com criptomoedas e uma outra conta com um cartão Visa. A solução permite utilizá-las para efetuar diversas operações bancárias, como compras, saques, pagamentos de boletos e a realização de transferências.

A abertura da conta no Alterbank é digital e gratuita, via app de smartphone – nas versões em sistemas Android e IOS, incluindo sua gestão diária para consultas de saldos e transações.

“Continuamos implantando tecnologias inovadoras junto com as fintechs de forma segura e regulamentada. A parceria com o Alterbank traz tudo isso em uma única solução”, declarou Eduardo Abreu, vice-presidente de Novos Negócios da Visa do Brasil, no site da empresa.

Legalidade do uso de criptomoedas

As transações com o Real no entanto ainda estão sujeitas ao pagamento de tributos tradicionais. O Alterbank cobra R$6,90 por cada saque, e R$3,50 a cada transferência para outros bancos.

Em casos específicos de saques internacionais o banco cobra R$17,00 e mais IOF, Imposto sobre Operações Financeiras.

Como funciona na prática

O app permite que seus clientes realizem transações com criptomoedas de uma maneira fácil, rápida e segura com funcionalidades semelhantes às de uma conta tradicional.

Com o saldo em Reais na conta, o Alterbank permite a realização de pagamentos de contas gerais (boletos), realização de transferências via TED para outras instituições bancárias (em horário de funcionamento dos bancos), transações entre contas Alterbank 24h por dia, inclusive para parceiros, como a Bitpreço, uma das maiores casas de câmbio de criptomoedas do país.

Também é possível, por meio da carteira de criptomoedas, depositar e manusear Bitcoins bem como sacá-los (transferi-los) para outras carteiras da mesma moeda ou efetuar conversões para Reais, e vice-versa, na conta do próprio usuário.

Atualmente a carteira de criptomoeda permite operações em Bitcoin, no entanto, existem planos a curto prazo de incluir transações com Litecoin e Ethereum, por serem moedas com alta liquidez e utilização no Brasil e no exterior.

O que são Fintech’s?

O termo Fintech surge da abreviação das palavras Financial Technology, que startups criaram para definir empresas que trabalham com serviços financeiros ou bancários, mas sem a carga burocrática das instituições tradicionais do setor.

Nos últimos anos, diversas empresas têm surgido com esta proposta como a PagSeguro, Alterbank, Nexoos entre outras. Talvez a mais famosa fintech no Brasil seja a Nubank, que oferece maior facilidade na aquisição de cartões de crédito e é considerado um unicórnio brasileiro de alta tecnologia.